Sem categoria


As 6 perguntas mais comuns sobre cerveja especial

21 de setembro de 2018 por Boteco Posto 15

A cerveja está presente nas mais diversas comemorações. E, essa paixão nacional está indo além dos rótulos tradicionais. A ampliação desse mercado, e a descoberta do universo das cervejas artesanais estão trazendo uma experiência diferenciada aos consumidores.

 

Muito mais do que uma bebida alcoólica, a cerveja especial vem transformando o paladar de seus apreciadores, além de, agregar vários aspectos culturais nos seus processos de fabricação. Só em Goiás contamos com mais de 10 cervejarias artesanais buscando agradar todos os paladares.

 

Preparamos abaixo algumas perguntas comuns para quem quem está entrando descobrindo a cerveja especial.

Qual a diferença entre a cerveja especial e as tradicionais?

As cervejas tradicionais do tipo pilsen são produzidas em grande escala através de processos muito bem estruturados e automatizados. Elas são mais leves, suaves e refrescantes para agradar o paladar dos brasileiros. Já a cerveja especial é produzida em menor escala, com processos menos automatizados, isso faz com que sejam mais saborosas que as tradicionais.

Quanto tempo leva para preparar uma cerveja especial?

Todo o processo pode levar dias ou meses e leva em consideração o tipo de cerveja que será produzido. De uma forma geral, existem 4 momentos de produção: cozimento, fermentação, maturação e envase.

Onde  e quantos tipos de cerveja especial é possível fabricar?

Elas podem ser fabricadas na sua própria casa e não existem limites de tipos a serem produzidos. É importante destacar que existem diversos tipos de cervejas especiais, cada uma com sua particularidade de sabor e aroma.

Quero começar a produzir a minha própria cerveja, como faço?

Antes de começar a produzir a sua cerveja especial, é importante que você conheça todo o processo de fabricação para evitar erros, e até mesmo estragar a sua produção. É importante também buscar informações, cursos e receitas com que já está a mais tempo no mercado.

 

O próximo passo é definir o estilo da cerveja que você gosta de beber e iniciar a produção. Você pode iniciar pelas cervejas do tipo ALE, pois ela têm o processo de fabricação mais simples.

Preciso de um copo específico para servir esse tipo de bebida?

Não é necessário ter um copo específico, mas você pode ressaltar o sabor e aroma da sua cerveja especial com diferentes tipos de copos. Para apreciar a pilsen, por exemplo, o indicado é utilizar uma tulipa ou caneca.

 

As cervejas do tipo lambic são ideais para se degustar em taças do tipo flauta, já as cervejas de trigo tem as suas qualidades ressaltadas em copos maiores. Mas, se você não tem o copo ideal não se preocupe, utilize taças de vinho branco, pois seu bojo e abertura conseguem trazer um pouco dessa experiência para o seu paladar.

Posso servir estupidamente gelada?

Para as cervejas tradicionais a temperatura não influencia na experiências. Mas, se você optar por uma cerveja especial o ideal é seguir as temperaturas indicadas no rótulo. Quando a cerveja é servida estupidamente gelada, ela acaba anestesiando nossas papilas gustativas e consequentemente diminui a sensibilidade na degustação.

 

Está interessado em saber mais sobre cervejas especiais ou artesanais?

Preparamos uma web-série com os maiores entendedores desse assunto pra você. Confira!